Notícias e Avisos

Integração com as redes: e Acessar Portal DDD

08/03/2010 - Incluído tema alternativo e recursos de tradução.
------------------------------------------
07/03/2010 - Migração para a versão 2.8.4 do WP.
------------------------------------------
03/03/2010 - Reinício das atividades do blog, com sua integração à Rede DDD.
------------------------------------------





Arquivos
Categorias
Blogroll
Outros Sites (Autor)
Sites Recomendados
Sites da Rede DDD

Links dos sites do mesmo autor, integrantes da "Rede DDD" (Debata, Desvende e Divulgue):

Comentários Recentes
    Videos Recomendados

    Meus Videowalls:

    Vídeos Destacados:

    Inri Cristo, o Jesus Reencarnado

    Você Acredita em Deus?

    Jesus Já Voltou?

    Vídeos em Jukebox-1

    Outros vídeos:Acessar

    1 - Para retornar a esta página após ver os vídeos no meu Vodpod, você poderá clicar na seta "retornar', do seu navegador ou simplesmente fechar a janela da página em que foi exibido o vídeo.

    2 - Minha página de vídeos selecionados estará sendo permanentemente atualizada. Visitem-na, vez por outra!

    3 - Se desejar, você também poderá comentar qualquer vídeo, na minha própria página de exibição, no Vodpod. Mais ainda: havendo mais de um visitante, poderão até 'debater o vídeo'.

    (Transcrito de "Irreligiosos", em artigo e site do mesmo autor)

    Uma coisa que sempre chamou a minha atenção são os estrambóticos nomes adotados pelas igrejas evangélicas. Em quase todos, as ideias de "Deus", "Jesus", "Graça", "Cura" e "Poder" parecem assumir o mote central para atrair seguidores, eis que todos os clientes (oops, errei! Queria dizer "fiéis) em potencial parecem buscar isso dentro das igrejas às quais se filiam ou ou pretendem filiar-se. Portanto, nada mais natural do que colocar um nome chamativo, o mais atraente possível, para essas almas buscadoras de graças.

     

    Aí, a criatividade dos líderes religiosos fundadores se solta. E como cabeça de crente tem ideias fixas, os nomes revelam essas ideias e chegam a tornar-se hilários. Ler o resto desta entrada »

    "Só sei que nada sei. E o fato de ter consciência disso já me coloca em vantagem sobre aqueles que acham que sabem alguma coisa." (Sócrates, filósofo grego, por alguns reconhecido como "o mais sábio dos homens")

    "Ser humilde com os superiores é uma obrigação, com os colegas uma cortesia, com os inferiores é uma nobreza." (Benjamin Franklin)

    A motivação para a criação deste post surgiu de um texto do companheiro de diHITT, João D. Caetano de Oliveira, que publicou, na íntegra, em seu blog OpinAtivo, o excelente texto "Não Sei", do conhecido consultor empresarial Max Gehringer. Pedi e obtive a sua autorização para replicá-lo aqui, não só pela qualidade da matéria, mas também porque o tópico se enquadra perfeitamente nos objetivos deste blog, que é abordar temas de cunho filosófico. Ler o resto desta entrada »

     

    Filósofos de BotequimFilósofos de botequim discutem ou conversam sobre quase tudo, desde amenidades, como pratos exóticos e saborosos , qualidades de vinhos e bebidas, beleza feminina (reservam-se quando há mulheres no grupo), relacionamentos, etc., até os temas filosóficos mais complexos e as grandes questões nacionais ou internacionas. Mas sua preferência vai sempre para os assuntos controversos e para as atualidades, especialmente quando geram polêmicas. Isso sim, os incita e excita. Portanto, é natural que temas políticos, religiosos e céticos estejam entre os preferidos, principalmente, os de natureza política.

    Futebol também é um tema constante, atual e polêmico, mas não costuma ganhar nenhum destaque nas discussões e só é referido "en passant" porque sabem eles que, neste tópico, não há consenso. Exceção para o futebol, apenas nas olimpíadas ou época de copa do mundo. Aí sim, nestes momentos, e apenas nestes, o assunto é valorizado e considerado. Ler o resto desta entrada »

     (Tema derivado de ""BBB para políticos presidenciáveis" "do mesmo autor, em Debata, Desvende e Divulgue!)

                                                   Este é um tema típico para os chamados "filósofos de botequim". Eles adoram esses tipos de discussões que permitem as mais diversas divagações. E para quem pensa que a hipótese é absurda e totalmente inviável, saibam que a ideia foi dada por uma personalidade famosa do mundo artístico e que referências a esta notícia já andaram rolando dentro do próprio site da Globo, nos comentários à crônica (inclusive o meu) "O Outro Você", de Luiz Fernando Veríssimo, em que o escritor desmente a autoria de um artigo denominado "A Vergonha", indevidamente a ele atribuída.

    Na referida crônica "A Vergonha", por sinal muito verdadeira, muito bem escrita e amplamente divulgada na internet, o autor (pseudamente Luiz F. Veríssimo)  tece duras e justificadas críticas ao programa Big Brother Brasil, culminando por chamá-lo de "a vergonha da mídia televisiva brasileira" , por ferir as regras dos bons princípios jornalísticos e por nada acrescentar de útil em termos de  informação, deixando claro que os objetivos do programa são somente os altos níveis de audiência e o dinheiro ganho de anunciantes, patrocinadores e ligações telefônicas do povão (até os cálculos são demonstrados). Ler o resto desta entrada »

    (Transcrito do blog coirmão "Formou? Disseca e Publica!", do mesmo autor, e também integrante da Rede DDD)

    Para quem estranhou o uso do termo "desinstalar" no título, que poderia facilmente ser substituído por qualquer outro sinônimo mais adequado ao ser humano, informo que o uso foi intencional para que pudesse se adequar à seguinte analogia da era da informática: "Deus e as religiões são vírus residentes na memória, instalados junto com a bios e que têm proteção contra a desinstalação. Por isso a sua remoção é difícil pois, se mal feita, poderá ocasionar defeitos de funcionamento ou o travamento do PC". Isto não lhes parece familiar?

    Pois é mais ou menos assim que funciona a idéia de Deus e a do seguimento de uma religião. Essas necessidades são implantadas na memória das pessoas, desde a mais tenra idade, de tal forma que, ao chegarem à idade adulta, equiparam-se ao funcionamento de um vírus, de difícil remoção. Para desisinstalá-lo, só existe um caminho: determinação, perseverança e conhecimento. Se estes três requisitos não estiverem presentes como antivírus, é melhor não arriscar e deixar o vírus dentro da bios. Pelo menos assim o seu PC vai funcionar. Controlado e sem autonomia, mas funcionando, limitadamente. E entre não funcionar e funcionar com limitações, as pessoas, por covardia ou comodismo, escolhem sempre a segunda opção, se é que se pode chamar isso de "opção". Ler o resto desta entrada »

    O novo “Plano Nacional de Banda Larga” (uma espécie de “bolsa familia da Internet”), que deveria ter sido aprovado em fevereiro pelo Governo, parece ter voltado para as pranchetas, depois que o ex-Chefe da Casa Civil, José Dirceu, entrou no circuito, tentando tirar vantagens pessoais e ganhar alguns troquinhos a mais, às custas do Governo. Afinal…

    Veja o excerto da notícia, por mim publicada em outro blog da rede DDD:

    Plano Nacional de Banda Larga… Dirceu vai transformá-lo em mais um “escândalo político”?

    enviado por IvoSGReis em 28/02/2010 09:11

    Tudo indica que este será mais um rumoroso escândalo político tendo (de novo) José Dirceu como protagonista. Mesmo fora do Governo, ele vende informações privilegiadas e tráfico de influência numa operação bilionária referente ao “Plano Nacional de Banda Larga”, uma espécie de “bolsa família da Web” . Clique para ler mais …

    (Transcrição do inteiro teor do texto, deste mesmo autor, publicada no site "Irreligiosos", integrante da "Rede DDD")

    Será esta a nova mentalidade da Igreja Católica? Ser tolerante com a pedofilia e abuso sexual contra as mulheres, acobertando até crimes de padres pedófilos e "perdoando" os agressores sexuais? Ao que tudo indica, isto parece estar se tornando um consenso no clero católico (veja a notícia "Mais um caso de de abuso sexual infantil, cometido pela Igreja Católica, na Alemanha", bem como outras notícias sobre pedofilia dos religiosos, publicadoas na rede "Irreligiosos"). Mas desta vez os fatos não envolvem a ICAR. O clero, através de uma recente conferência de bispos, se posicionou de maneira genérica, com relação à violência sexual contra as mulheres, entendendo serem elas as culpadas das agressões, por se trajarem de forma provocativa e inconveniente. Tudo bem que isso ocorra, mas não é motivo para justificar-se uma agressão sexual, mormente em países que se dizem "civilizados" e de inclinação religiosa católica. Se assim entendem, as pessoas também poderiam entender que este crime não é grave e é perdoavel. É mesmo de se lamentar a posição adotada (e divulgada) pelos bispos. Leiam a notícia que, sobre o assunto, publicou "O Estadão", sob o título "Para bispos, mulheres são culpadas por abuso sexual"

    Nota: O link para a matéria "Para bispos mulheres são culpadas por abuso sexual" foi retirado ou movido pelo Estadão em data posterior à publicação deste post. Mas o resumo da notícia é mesmo este que se encontra expresso no post.

    Conversa de Botequim Antes do advento da internet, os botequins eram um bom lugar para se fazer isso, de uma forma livre e descontraída. Dependendo do grupo de amigos que se reuniam em torno de uma mesa e alguns copos de cerveja, batidinhas e quitutes, os assuntos abordados iam desde os mais profundos ou técnicos, relativos às suas categorias profissionais, até os mais simples, como o futebol e as últimas manchetes dos jornais. Em ano eleitoral, a predominância ia para a política; em ano de copa, para o futebol; em anos normais, qualquer assunto. Tudo sem censura, a não ser a da autocrítica e, às vezes, a de alguns companheiros, quando alguém se excedia. Interessante de se notar eram as formações dos grupos: havia a mesa dos sambistas, a dos médicos, a dos professores, a dos jornalistas, a dos estudantes, a dos escritores, a dos políticos (sim, eles também se infiltram nos bares e botequins), a dos bancários, as dos bairros, as mistas e muitas outras. Cada um no seu nicho, ali predominvam os temas da sua preferência.  

    Ler o resto desta entrada »

    Em alguns anos, para onde irão os …tilhões de yottabytes de informações hoje armazenados nos  provedores de internet?

    Ninguém pode garantir ou saber o destino que será dado, em alguns anos, aos …tilhões de yottabytes de dados e informações hoje armazenados nos provedores de internet. A informação virtual é prática, rápida, tem alto teor de propagação,  mas não é segura: não há garantias de que, a que hoje existe, ainda possa existir daqui a três ou mais anos.

    E o pior é que ninguém nos informa disso, salvo rarísimas exceções. Suponho que nem mesmo os grandes provedores de armazenamento como, por exemplo, o Google e o Yahoo possam responder a esta pergunta.

    Recentemente, postei um artigo num fórum e recebi o aviso de que “a informação seria arquivada por 6 meses, sendo apagada do banco de dados após este período“. Este, ainda sabia e teve a dignidade de informar. Propriedade intelectual, direito autoral, nada disso está corretamente regulamentado e em uso no mundo virtual.

    Até que encontrem a solução do problema, o livro e a informação escrita em papel ainda são os meios mais seguros de conservar documentos para o futuro. Se você insiste em guardar informações virtuais, copie-as, HOJE, para um DVD, se não quiser imprimi-las. E nem pense em guardar suas memórias para a posteridade em mídia virtual. Informação digital, de sua propriedade, você ainda pode salvar. Mas a informação virtual que se hospeda e trafega na rede mundial? Ninguém sabe!

    Tudo poderá virar fumaça e desaparecer.

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    Translator
    Pesquisar neste blog
    Sobre o autor…

    Ivo S. G. Reis

    Apenas um livre-pensador ecletista, agnóstico, ambientalista de coração e de carteirinha, filósofo de rua e de boteco, um libertário cidadão do mundo, à procura de vozes que queiram fazer coro contra a exploração e escravidão religiosa dos incautos, contra a corrupção na política, contra a exploração do povo pelo Estado e contra a devastação da natureza. Minhas armas e ferramentas: meus pares ideológicos e os locais onde nossos protestos e mensagens possam ser divulgados e ouvidos.













    Você está no lugar certo?

    Passe o mouse para parar rolagem

    Se você não gosta de questionar;

    se acha que tudo já foi dito antes;

    se acha que protestos são perda de tempo e que não vale a pena se preocupar com a devastação da natureza e com os problemas futuros da humanidade porque, quando chegar a hora certa, alguém resolverá por nós;

    se costuma aceitar dogmas religiosos e imposições das igrejas sem discutir e se crê que se deva entregar as soluções nas mãos de "Deus" porque "Ele" tudo resolve;

    se acha que ter uma religião e segui-la é o bastante;

    se não tem espírito libertário;

    se não tem senso crítico, não aceita rever seus conceitos e não gosta de reflexões nem de pensar muito...

    Então, provavelmente, achará que está no lugar errado e não vai gostar muito de navegar por aqui.


    Enquetes Filosóficas:

    Clque na enquete de sua preferência para ver resultados ou votar!

    1 - Qual o tema de "filosofia de botequim" que mais lhe agrada?

    2 - Qual das correntes filosóficas listadas é a que lhe desperta maior interesse? (link ainda não estabelecido)

    NOTA: Após votar ou visualizar, clique no botão "RETORNAR" da enquete, para voltar a este blog

    Seguir o blog
    Artigos Publicados
    Você poderá consultar os posts publicados de várias maneiras:
    • 1 - Todos, por ordem alfabética
    • 2 - Todos, por data de publicação (mais recentes primeiros)
    • 3 - Todos, por categorias de assuntos e data de publicação
    • 4 - Publicados por página

    Vá para a página Índices e selecione a sua opção!

    Agregadores Preferidos
    Estatísticas e Visitantes

    II - Geral, a partir de 20/03/2010:

    Contador de acesso e visitas