Nova tela de edição de textos a ser utilizada no DDD (interfaceFCKEditor)Problemas com o editor visual do WordPress? Que tal se você pudesse usar um editor como esse aí do lado, no estilo "Word", e incorporando a maioria dos recursos daquele conceituado e popular aplicativo? Pois isso já é possível aqui no DDD, a partir de hoje, e pretendemos divulgar para toda a blogosfera esta nossa bem sucedida experiência.

Todos os usuários da plataforma para blogs WordPress, desde a versão 2.3x até a mais recente, têm experimentado diversos problemas com o " WordPress Visual Editor", o seu editor de posts,  pobre de recursos de formatação e inconsistente, além de apresentar aquele constante erro de não alternar adequadamente entre o " editor visual " e o "editor de html". Eu, por exemplo, sempre usei um editor externo, para não ter de passar raiva.

Temos nos deparado com esses tipos de problemas aqui neste blog e, procurando facilitar a vida de nossos colaboradores e a nossa, pesquisamos a solução no Codex do WordPress e em outras fontes da Internet, quando verifiquei que as reclamações são muitas e comuns. E as soluções que têm sido apresentadas quase nunca solucionam o problema, porque o fazem apenas parcialmente. Ou seja, solucionam uma parte, mas deixam insolúveis outras que, normalmente, o administrador do blog e os usuários não sabem resolver. […]

A reclamação mais comum é aquela incômoda fixação default do editor no modo "html": quando o usuário tenta reverter para o modo "visual", que é o que a maioria entende e deseja (ninguéDesmarcando a opção  editar com "Visual Editor", no WordPressm tem obrigação de saber php nem html), o WordPress não obedece ou, quando resolve obedecer, no momento em que você tenta publicar um novo post ou o faz após desligar o seu PC, o erro volta e lá está o editor de posts, fixado no modo "html". A correção proposta pelo próprio WP é que você abra a sua página de usuário (seu perfil) e em users/your profile e logo abaixo de Personal Options, desmarque a caixa de texto "use the visual editor when writing" (usar o editor visual ao escrever), conforme ilustrado na figura ao lado.

Isto nem sempre resolve, e o que vamos propor aqui é exatamente o contrário, ou seja, deixar a caixa "Visual Editor" desmarcada. Isto é necessário porque vamos instalar um excelente plugin de edição mas que, segundo verifiquei nos meus testes, não irá salvar convenientemente, se a opção Visual Editor estiver marcada. Não tenha medo: depois de o plugin instalado e funcionando, você nunca mais vai se preocupar com isso e nem vai precisar mexer nessa configuração do WordPress.

Segundo verifiquei, o WordPress usa, por default, algumas funções js do plugin TinyMCE, que tem funções semelhantes a este que vamos instalar. A diferença é que o nosso plugin vai ser instalado completo, e não em retalhos como o WordPress fez (e pecou). Testei também o TinyMCE em um blog de testes (além de outras experiências) e a melhor solução que encontrei foi (o teste ainda não foi realizado na nova versão 2.7 do WordPress, mas é praticamente certeza de que os  procedimentos se aplicam):

"Baixar e instalar o plugin FCKEditor for WordPress e desmarcar a opção "usar o editor visual ao escrever" (use the visual editor when writing). Só isso e os problemas foram resolvidos. Só precisei ir em todos os usuários que escrevem no blog e desabilitar esta última opção, depois de instalado o plugin. E se vocês fizerem a instalação, sem adotar essa última providência, o plugin não vai funcionar bem e, o que é pior, sua documentação não fornece esta informaçao. Tivemos de descobri-la."

Agora vamos aos procedimentos:

  1. Faça o download do plugin (um .zip file);
  2. descompacte em um diretório qualquer ou provisório do seu desktop;
  3. faça o upload da pasta inteira, já descompactada, para o diretório …/seublog/wp-contents/plugins/, evidentemente, substituindo seublog pelo verdadeiro nome do diretório do seu blog;
  4. ative o plugin no "dashboard" do seu blog;
  5. ainda no dashboard, clique em "configurações" (settings) e localize o plugin (figura abaixo)

              Localizando o plugin em "Settinfs" (Configurações)

       6.    Escolha as opções de configuração conforme ilustrado abaixo e clique em "Atualizar"

Configurando o FCKEditor

Está pronto! Daqui pra frente é só festa. Experimente!

Com este editor integrado ao WordPress, é possível também fazer posts paginados, links internos na própria página, links externos, inserir tabelas, símbolos, formulários, botoões, imagens e mídias, pesquisar palavras e muito mais. Usem-no e, se possível, enviem seu feedback por comentários ao artigo, no próprio blog, ou para o email ivocadw2@lycos.com

Se você gostou deste tutorial recomende-o e passe de vez em quando aqui no  Debata, Desvende e Divulgue! ( sempre que necessário, publicaremos outras dicas e tutoriais).

Endereço do Link para download do plugin:

http://webscripts.softpedia.com/script/Modules/WordPress-Plugins/FCKEditor-for-WordPress-48573.html

Nota: Este artigo foi escrito com o novo editor visual (voltar para o topo do artigo):

Blogger PostBookmark/FavoritesDiggEmailFacebookGoogle GmailGoogle+LinkedInPrintFriendlyTwitterYahoo MaildiHITTShare

8 Comentários

  • mgomide3 disse:

    Meu encantado e doce Ivo,
    Meus parabéns pelos seus esforços em melhorar as disposições do seu blog que, imagino, devem ter feito você molhar camisa.
    Você já imaginou uma criança de apenas 8 anos, nascida na China, que fala e entende o chinês? Ela nem sabe que fala, de tão fácil é aprender a lingua mater. A comunicação é coisa tão banal lá entre os mais de 1 milhão de pessoas que nem se dão conta que existem outras linguas.
    Não me leve a mal. Estou na esportiva. Eu sou um chinês que chegoui hoje cedo ao Brasil. Tudo maravilhoso, tudo muito bonito. Só que eu não consigo entender o que você fala. Não é deficiência do comunicador, que suou a camisa. É que eu sou chinês… Você não tem culpa. Fiz quatro leituras de seu tutorial, mas não entendi muita coisa. Além disso há uma questão que você desconhece: tenho medo de mexer com programas e depois, se não der certo, não saber como voltar. Estou igual a cego sem bengala.
    Tenho um artigo no forno. Vou colocá-lo lá no Forum Ecológico. Se para você for fácil, peço que o reproduza no DDD.
    Um abração de quem é sincero e lhe quer muito bem.
    Maurício

  • Caro Gomide:

    Como quase sempre acontece, você não deixa de ter razão, mas tenho certeza de que em poucos dias entenderá todo o esforço que fiz, os seus porquês e a sua necessidade. E melhor: estará completamente adaptado ao nosso novo editor – TENHO CERTEZA.

    Enquanto isso, você e todos os usuários que escrevem neste blog não precisam se preocupar. Já estão protegidos e a única coisa que têm de fazer é tentar escrever um artigo utilizando o novo editor. Assim que se acostumarem, vão me agradecer.

    A propósito, este artigo (na parte do tutorial propriamente dita) não foi escrito para os nossos usuários cadastrados e sim para milhares de pessoas que, na Internet, passam raiva com o editor do WordPress, como nós mesmos chegamos a passar (lembra como era no início?). O que fiz foi tentar achar uma solução para o problema (e parece que consegui) e divulgá-la pela blogosfera, para os outros que têm seus próprios blogs e não escrevem aqui no DDD. Embora a linguagem seja um pouco técnica – não tem como fugir muito disso – os administradores de blogs WordPress a entenderão e esse foi o objetivo.

    Mudando de assunto: Você tem um post com o título “CACHO DE UVA”, não publicado e retido na seção “Rascunho”. Só que o post está em branco, só tendo o título. Será que vc se assustou e desistiu no meio do caminho? Ou será que clicou no botão Salvar antes de terminar o texto?

    Gomide, preciso da ajuda de vocês. Se vocês não se entenderem com o novo editor, vou ter de retirá-lo e isso será um retrocesso. Faça o seguinte:

    1 – Esqueça tudo o que leu no tutorial;
    2 – Tente escrever um post e quando o editor aparecer, faça de contas que está escrevendo no Word e escreva o artigo normalmente;
    3 – Ao terminar, clique em PUBLICAR (se vc clicar em “salvar” ele não será publicado e permanecerá como rascunho, até que você ou eu resolvamos tirá-lo desta condição)

    É só isso amigão e nada mais que isso. Não posso acreditar que você vá preferir o editor anterior, sem recursos e trabalhoso. Com esse que introduzimos, quem sabe usar o “Word”, sabe também usar o nosso.

    Vou deixar um pouquinho a modéstia de lado e dizer que nós aqui no DDD somos privilegiados porque somos um dos pouquíssimos blogs a ter um editor externo altamente funcional, adaptado e integrado dentro do próprio WordPress. Visite outros blogs e confira!

    Envie-me o seu feedback, após tentar publicar um artigo. Obrigado pelas observações. É isso mesmo o que espero de todos vocês.

  • mgomide3 disse:

    Caro Administrador,
    Gostei da explicação e entendi tudo. Hoje estou publicando novo artigo, “Cacho de Uva”. Deu tudo certo. Seu trabalho ficou uma beleza. Grato.

  • Moacir S. Bugaionni disse:

    Excelente dica, um tutorial bastante completo.

    Tenho um blog sendo reestruturado, segui a orientação, testei e TCHUUUUM! Foi feito um clarão e deu tudo certo. Vou passar a informação adiante. Obrigado a vocês.

  • LuizJogos disse:

    Ola colega! Continue com esse otimo trabalho que voce vem fazendo em seu site…suas postagens sao muito boas! Vc tem um feed, nao tem? Se tiver, vou assina-lo agora mesmo! Valeu!!

  • Luiz Soares disse:

    Parabens pelo seu site, colega! Nao gosto muito de fazer comentarios, mas o seu site esta muito bom mesmo! Continue com esse bom trabalho!

  • Luiz Soares disse:

    Ol colega! Achei seu site muito interessante e completo! Gostaria de fazer uma parceria entre nossos sites? Eu possuo um site de Download de E-Books, Livros e Cursos! Entre em contato comigo: mioluizeba102030(arroba)hotmail(ponto)com! Valeu! Sucesso!!

  • Luiz Alberto disse:

    Gostei mto de seu site! J assinei o seu RSS Feed! Continue com esse timo trabalho!

1 Trackback or Pingback

Deixe uma resposta

Previous Post
«